Argentina

Churrasco, tango, futebol.
Acho que são os maiores símbolos do país. Já fui para a Argentina, mas apenas na fronteira quando viajei para Foz do Iguaçu. Não tenho muita vontade de conhecer mais a Argentina, não me interessa muito. Hoje em dia o pessoal do Brasil tem viajado bastante para Buenos Aires, inclusive pelos preços baixos.

Futebol
Brasileiro gosta muito de ver a Argentina perder um jogo de futebol! Na última Copa do Mundo, de 2010, a Argentina perdeu de 4 a 1 da Inglaterra! Quando eu era criança, eu lembro como foi muito triste quando a Argentina eliminou o Brasil nas Oitavas de Final. O Brasil atacava o tempo todo, mas em um contra-ataque a Argentina definiu o jogo, ganhando de um a zero com gol de Caniggia. Não dói tanto perder de outros times quanto perder da Argentina, assim como o país mais gostoso pra se ganhar um jogo é em cima da Argentina. A Argentina é o país com que o Brasil tem a maior rivalidade no futebol.

Churrasco

Quando fui pra Foz do Iguaçu, no lado argentino, comi em um restaurante que tinha dentro do parque. As carnes eram saborosas e diferentes das carnes brasileiras por terem um corte mais alto. Em São Paulo, fui em um restaurante argentino no bairro de Santo Amaro, La Morocha, lembro que pedi um prato executivo, com salada, arroz, fritas e, claro, a carne (não lembro qual carne pedi), que estava uma delícia, no ponto, e mais alta do que costuma ser feita no Brasil. Muito recomendado! (La Morocha – Rua Thomas Deloney, 372, Chacara Santo Antonio, São Paulo)

Tango

Eu ouvia o Raul Seixas cantando “se eu quero e você quer, tomar banho de chapéu, ou discutir Carlos Gardel”, e ficava imaginando como eram as músicas de Carlos Gardel. Ainda não peguei muito gosto pela sua música. Coloquei esse disco para vocês fazerem download. “Mi Buenos Aires querido” deve ser uma das mais clássicas e conhecidas músicas argentinas.

Link para o download do disco

Foz do Iguaçu

Na minha primeira viagem internacional, onde fui para Foz do Iguaçu, cruzei a fronteira, tanto do lado paraguaio, como do lado argentino. Com relação à Foz do Iguaçu, realmente a vista mais impressionante é do lado argentino, com a vista bem próxima que se tem da Garganta do Diabo.

Foi uma das visões mais impressionantes da minha vida, e a manifestação mais grandiosa da natureza que eu já vi. O volume de água é absurdo e ininterrupto, e a fumaça que a água provoca, torna impossível ver o que está lá pra baixo.

Se é verdade o que dizem na comunidade do orkut “Pica-Pau desce as cataratas”, que na vida real algumas pessoas já tentaram descer as Cataratas do Niágara num barril (e metade sobreviveu), acredito que seja totalmente impossível alguém tentar isso nas Cataratas do Iguaçu. Apesar das Cataratas do Niagara serem maiores ou mais altas, trata-se de apenas uma, enquanto as do Iguaçu são muitas.

Aproveitei também para jogar no cassino de Puerto Iguazu, já que cassino no Brasil é proibido. O cassino era muito bonito e luxuoso, levei 60 reais para tentar a sorte na roleta; caça-níquel é muito chato, e não sei jogar 21, muito menos pôquer. Roleta é mais legal, e tem mais glamour. Logo no começo dei até sorte, com os meus 60 reais aumentando para aproximadamente 100, porém, ganancioso como sou, tentei ganhar mais e… acabei perdendo tudo. Porém, valeu muito a experiência.

Era impressionante ver como tinha gente que torrava dinheiro sem nenhuma cerimônia! Na roleta onde joguei, cada ficha era 1 dólar; tinha outras roletas que cada ficha era 50 ou 100 dólares, e as pessoas perdiam fichas e fichas (e às vezes davam 100 dólares de gorjeta para o crupier), o pessoal mostrou um político de Foz do Iguaçu jogando na roleta, ele colocava montanhas de fichas num número só, uma hora que ele ganhou, ganhou muito… mas continuou jogando e perdeu tudo que ganhou.

Outro ponto a comentar foi o fato de que eu experimentei o churrasco argentino. Claro que era o restaurante do parque de Foz do Iguaçu, e não deve ser parâmetro de gastronomia (não lembro se era por quilo, ou se comia-se à vontade), mas é um churrasco saboroso, diferente do nosso, as carnes são mais altas. Um casal de amigos que estava junto não gostou das sobremesas, eles disseram que por eles serem do interior de São Paulo, gostavam de “doces bem doces”, ou seja, com bastante açúcar, mas eu gostei mais ou menos dos doces, são menos enjoativos, apesar de não serem tão saborosos assim.

Na saída do parque tinha um grupo de índios tocando músicas típicas, e o mais interessante era o jeito que um cara lá tocava o violão: só fazendo a batida com a mão direita, tocando sempre a mesma nota, com todas as cordas soltas… assim é fácil tocar violão, hehehehe.

Pelo pouco que conheci do país, em apenas uma cidade, achei o país mais limpo e organizado do que o Brasil, porém o povo é mais reservado e menos receptivo.

Miss Argentina

Terra do Fogo

Deve ser um dos lugares mais interessantes da Argentina para se conhecer, o ponto mais ao sul do país, quase na Antartida. Cidade de Ushuaia.

Filme XXY (Lucia Puenzo, Argentina, 2007)

Filme argentino que conta a história de um(a) adolescente hermafrodita. Se a adolescência já é um período difícil para um menino ou para uma menina, imagine para um(a) hermafrodita. Uma das coisas mais interessantes do filme é o lugar em que é rodado, pois a família se muda para o litoral, perto da fronteira entre Argentina e Uruguai. As cenas que mostram as paisagens com o mar meio desolado são muito boas, e o mar ali é frio o bastante para que praticamente ninguém entre. O filme trata de uma maneira inteligente de um gênero que é muito pouco falado e muito pouco conhecido, que é o hermafrodita, e algumas situações são meio engraçadas. O hermafrodita do filme tende a parecer mais com menina do que menino, ainda que meio andrógina (e é uma atriz que faz o papel).

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s